Estas duas petroleiras são boas opções para ter na carteira em 2023, segundo Inter

Estas duas petroleiras são boas opções para ter na carteira em 2023, segundo Inter
Estas duas petroleiras são boas opções para ter na carteira em 2023, segundo Inter
Petrorio
PRIO é eleita pelo banco como a melhor escolha para se expor ao petróleo no Brasil (Imagem: Petrorio/Divulgação)

O Inter Research atualizou o preço-alvo de duas ações do setor de óleo e gás. Após a divulgação dos relatório de certificação de reservas, a equipe de análise da instituição acabou alterando o valor esperado ao fim de 2023 para PRIO (PRIO3) e 3R Petroleum (RRRP3), a R$ 55 e R$ 69, respectivamente.

Na avaliação do Inter, a PRIO divulgou números excelentes, mostrando expansão das reservas, crescimento da curva de produção e queda do capex (investimentos).

A 3R Petroleum, por outro lado, apresentou queda no nível de óleo, apesar do crescimento das reservas de gás. A curva de produção também caiu em relação ao relatório anterior.

Apesar disso, a recomendação de compra segue para ambas as ações. O Inter defende que as empresas júniores de óleo gás são bons veículos para investir em 2023.

PRIO3 ou RRRP3? Descubra a melhor escolha para se expor ao petróleo

No caso da 3R Petroleum, o Inter acredita que o mercado continua cético com a empresa por conta dos últimos resultados.

“Entendemos que, ao longo de 2023, esta situação se inverterá, o que faz de 3R uma boa oportunidade para investir”, diz o analista Rafael Winalda, em relatório divulgado na última quarta-feira (12).

Mont Capital - Carteira Administrada

O Inter destaca que os números do relatório de certificação de reservas da 3R Petroleum vieram abaixo do reportado pela PRIO, mas superaram os dados da PetroReconcavo (RECV3).

No caso da PRIO, eleita pelo banco como a melhor escolha para se expor ao petróleo no Brasil, Winalda reforça que a petroleira conseguiu crescer suas reservas de barris de petróleo, além de aumentar a curva de produção e diminuir o custo incremental de barril.

Em relação às reservas, o Inter menciona a “grande evolução” do campo de Albacora Leste, com crescimento de 13% em 2P (provadas e prováveis).

“Em seguida, destacamos Frade, campo bastante promissor, uma vez que tem apresentado excelente evolução em suas operações de perfuração e implemento da metodologia Prio, onde cresceu cerca de 64% ante o último relatório”, acrescenta Winalda.

Sobre o rumo do petróleo, o Inter reconhece que existe muita volatilidade em relação aos preços da commodity. Ainda assim, a expectativa da instituição foi mantida em US$ 80/barril em 2023, passando a recuar gradualmente a US$ 65/barril a partir de 2026.