Copasa (CSMG3) anuncia novo programa de desligamento voluntário

Copasa (CSMG3) anuncia novo programa de desligamento voluntário
Copasa (CSMG3) anuncia novo programa de desligamento voluntário
Copasa
A previsão do período de adesão é em maio de 2023, com o início dos desligamentos previstos para ocorrer em julho deste ano (Imagem: Copasa/ Youtube)

A Copasa (CSMG3) anunciou nesta terça-feira (11) que assinou um acordo coletivo junto aos sindicatos que representam seus funcionários para implementar o novo Programa de Desligamento Voluntário Incentivado (PDVI).

O programa tem vigência entre maio de 2023 e junho de 2024. A previsão do período de adesão é em maio de 2023, com o início dos desligamentos previstos para ocorrer em julho deste ano.

O programa é endereçado a:

Mont Capital - Carteira Administrada

  • empregados das categorias administrativa e operacional, com no mínimo 15 e 20 anos de trabalho na Copasa, respectivamente;
  • empregados da especialidade de Leiturista, com qualquer tempo de trabalho na Copasa; e
  • empregados aposentados pelo INSS por tempo de contribuição, idade ou aposentadoria especial, cuja aposentadoria tenha sido concedida em data anterior ao início de vigência da Emenda Constitucional nº 103/2019, com qualquer tempo de trabalho na Copasa.

“O programa reitera a política de valorização do corpo funcional da companhia, pois recompensa os funcionários elegíveis à adesão e concede novas oportunidades aos profissionais em atividade”, disse a empresa de saneamento de Minas Gerais, em comunicado enviado ao mercado.

A Copasa destacou que o programa, como consequência, irá reduzir as despesas com pessoal, “proporcionando a adequação da curva de custos e a melhoria da eficiência operacional da companhia, respeitando os aspectos legais, fato que gera valor para a companhia em médio e longo prazos”.