A crônica de um rali na contramão: O brilho do Ibovespa, Tesouro Direto, tragédias em criptomoedas e outras notícias

A crônica de um rali na contramão: O brilho do Ibovespa, Tesouro Direto, tragédias em criptomoedas e outras notícias
A crônica de um rali na contramão: O brilho do Ibovespa, Tesouro Direto, tragédias em criptomoedas e outras notícias
Metaplex
Mesmo contra todas as probabilidades, a bolsa descolou-se de outros mercados. (Imagem: Freepik/rawpixel.com)

A bolsa brasileira parece ter criado gosto por andar na contramão. É verdade que esse tipo de acontecimento não tem sido tão incomum nos últimos anos.

Desde a eclosão da pandemia, o Ibovespa vinha encontrando dificuldade para acompanhar a recuperação dos ativos de risco quando a liquidez era abundante.

Posteriormente, a alta dos juros, as incertezas fiscais e a turbulência política transformaram o principal índice da B3 em uma bolsa barata em relação a seus pares.

Mas algo parece ter mudado nos últimos dias. A apresentação de um novo arcabouço fiscal e a desaceleração da inflação fizeram o Ibovespa subir 6% apenas no acumulado desta semana.

Diante disso, mesmo contra todas as probabilidades, a bolsa descolou-se de outros mercados e protagoniza um rali na contramão.

Ontem, embora a sinalização do banco central dos Estados Unidos de que a economia norte-americana deva atravessar uma “leve recessão” no fim do ano tenha corroído parte dos ganhos na reta final da sessão, o Ibovespa fechou em alta e o dólar encerrou o dia abaixo dos R$ 5 pela primeira vez desde outubro do ano passado.

E, no exato momento em que as incertezas nos EUA poderiam acabar com a festa na bolsa brasileira, sinais de recuperação na China aparecem com o potencial de manter o fôlego para a recuperação por aqui.

Em março, o superávit comercial chinês bateu por muito as expectativas mais otimistas dos analistas.

Com isso, enquanto parte considerável do mercado já vê despontar no horizonte uma interrupção do ciclo de alta dos juros nos EUA, o dólar perde força nas mesas de câmbio mundo afora.

Tais movimentos proporcionam espaço para que o Ibovespa dê continuidade ao rali dos últimos dias e busque nesta quinta-feira sua quarta alta consecutiva.

Mont Capital - Carteira Administrada

Para saber se essa tendência vai se confirmar ou não, acompanhe a cobertura de mercados do Seu Dinheiro.

Este artigo foi publicado primeiramente no “Seu Dinheiro na sua manhã”. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

O que você precisa saber hoje

HORA DA PIMENTA?
Tesouro Direto: Investidores se antecipam à queda da Selic e ganho dos títulos prefixados chega a 180% do CDI no ano. Com o melhor desempenho do Tesouro no ano, esses papéis ganharam novo impulso com inflação abaixo do esperado. Ainda vale a pena comprar?

SETOR DE BAIXA RENDA
MRV (MRVE3) e Tenda (TEND3) veem as vendas crescerem no 1T23, mas num ritmo menor que o da Direcional (DIRR3). Duas das principais incorporadoras voltadas ao segmento de baixa renda reportaram suas prévias operacionais na última terça-feira. Confira.

OPA, NÃO É BEM ASSIM!
Após ruídos em torno do desconto na compra do Grupo BIG, Carrefour (CRFB3) corre para tentar explicar melhor a história. No documento divulgado na noite passada, a empresa nega que tenha existido qualquer tipo de disputa judicial com os vendedores.

ADEUS, PETRÓLEO
Um dos fundos mais rentáveis dos últimos anos encerra sua posição mais vencedora. Para a Vista Capital, houve mudança de cenário para os preços do petróleo em meio a piora da economia norte-americana.

IR 2023
Como declarar indenização de seguro no imposto de renda. Valores recebidos a título de indenização de seguros automotivos, residenciais e de vida devem ser declarados, mesmo sendo isentos. Você precisa explicar para a Receita de onde esses recursos vieram.

ROMA EM CHAMAS
Impérios em ruínas: Relembre 3 nomes de ‘reis e faraós do bitcoin’ que perderam tudo para o mercado de criptomoedas. Do rei ao faraó, passando pelo sheik, saiba como evitar ciladas no universo de ativos digitais após três histórias de fracasso.

Uma boa quinta-feira para você!