calendar
Notícias

61 publicados hoje

  • Home
  • arrow
  • arrow
  • 45% dos negócios acham vantajosos os juros da antecipação de recebíveis

45% dos negócios acham vantajosos os juros da antecipação de recebíveis

Política 48 segundos atrás
Visitar site arrow
45% dos negócios acham vantajosos os juros da antecipação de recebíveis

A Serasa Experian realizou uma pesquisa sobre as vantagens da antecipação de recebíveis, recurso que pode ser solicitado por empresas a instituições financeiras para adiantar o recebimento do valor das vendas. Segundo o levantamento, 45% dos pequenos negócios acham que um dos principais benefícios da antecipação de recebíveis é a taxa de juros.

Já 43% citaram a melhoria no fluxo de caixa, enquanto 40% das micro e pequenas empresas indicam como vantagem o acesso ao crédito sem necessidade adicional de endividamento e 38% mencionam a maior simplicidade na contratação.

“Aquelas [empresas] que fazem vendas via cartão de crédito, por exemplo, detém um fluxo de recebimento futuro de pagamentos, chamada ‘agenda de recebíveis’, que se torna garantia para que elas tenham acesso a melhores condições em compras a prazo ou aquisições de empréstimos”, diz o vice-presidente de pequenas e médias empresas da Serasa Experian, Cleber Genero.

Os valores antecipados são utilizados por 22% dos empreendedores para ampliar o capital de giro da empresa. Já 21% dos entrevistados disseram que utilizam os recursos para equilibrar o fluxo de caixa e 20% investem no próprio negócio. Só 12% dos empresários usam o dinheiro para comprar matéria-prima.

A pesquisa também analisou a antecipação de recebíveis por modalidade (boleto, recebível de cartão de crédito, nota fiscal, duplicatas etc). Os dados mostram que os recebíveis de cartão de crédito são usados para equilibrar o fluxo de caixa (32%) e pagar contas antes de atrasar (27%).

Mont Capital - Carteira Administrada

Outros tipos de antecipação, como boletos e notas fiscais, são usados para ampliar capital de giro (27%), equilibrar fluxo de caixa (26%) e para comprar matéria-prima (22%).

“O crédito é um caminho para o crescimento, para um fluxo de caixa mais saudável e para evitar o endividamento. Como vimos, é cada vez mais importante que as pequenas e médias empresas usem o crédito de forma estratégica”, diz Cleber.

A pesquisa ouviu 522 pequenas e médias empresas de diferentes setores, como comércio, serviços e indústria que atuam tanto no mercado entre empresas quanto para o consumidor final. A coleta foi realizada por meio de painel online e a margem de erro foi de 4 pontos percentuais com um intervalo de confiança de 95%.

Mont Capital - Fale com um de nossos especialista

Relacionados